terça-feira, janeiro 24, 2006

John Coltrane: A Love Supreme

Desde o ano passado nas revistas especializadas, consta o lançamento das gravações de Trane pela Impulse, sob o título de "One down, one up". Não há muito o que dizer sobre o chamado quarteto clássico formado por Jimmy Garrison, McCoy Tyner e Elvin Jones. Todas músicas são conhecidas dos fãs de Trane, como a versão de "Afro Blue" de Mongo Santamaria e "My Favourite Things" de Rodgers e Hammerstein, composta para o filme musical "The Sound of Music", conhecido aqui como "A noviça rebelde". Esta é provavelmente sua música preferida, tocando até sua última apresentação registrada no cd "Olatunji concert", totalmente transformada, como também ocorreu no album "Village Vanguard Again!" de 1966 com Alice Coltrane, Jimmy Garrison, Pharoah Sanders e Rashied Ali.
A Love Supreme é um marco da fase espiritual de Trane que, segundo suas palavras, em 1957 teve uma revelação que acarretou uma jornada sem retorno, de elevação espiritual. É uma suíte gospel de uma beleza divina, que reside na intenção de cada músico envolvido e não apenas na música composta em sí. Agora temos uma reedição nacional mais justa, com a capa original, que é a foto preferida de Trane, pois segundo ele, retrata melhor sua pessoa, uma foto clara e simples. Já tivemos o prazer de ter ao alcance esta obra em cd e vinil no final dos anos 80, lançado num pacote da MCA, com as capas alteradas e lançamento na midia um tanto quanto tímido.

Um comentário:

andré maleronka disse...

nego

ta linkado la no trânsito. muito amor

 
 
Studio Ghibli Brasil